Ancora

Após seu disco de estréia, em 2004, Il Divo lançou, no ano seguinte, os álbuns The Christmas Collection e Ancora. O primeiro, com um repertório de músicas natalinas conhecidas do público e, claro,  muito bem interpretadas pelo grupo. O segundo, com um repertório mais popular que o álbum anterior, mas mantendo o mesmo estilo de interpretação, de forma que funcionou como uma espécie de marcador de identidade do grupo, em termos de imagem e de voz.

Nas capas do discos predominam as cores sóbrias e os rapazes aparecem vestidos em ternos elegantes, em tons escuros e sem a gravata. O nome Il Divo foi gravado no mesmo tipo de letra, como uma espécie de logomarca.

Nas fotos  eles não parecem muito à vontade.  Fotografar quatro pessoas juntas não é fácil, reconheço. Independentemente do resultado, uma característica que me chama atenção nas imagens é que o grupo não apela para aqueles recursos de fazer caras e bocas, exibir o corpo, fazer expressões sensuais, nada disso. Os divos têm uma beleza e uma sensualidade naturais. Eu os admiro por essa postura de não aceitar a vulgarização da imagem. Eles são incrivelmente bonitos, mas não fazem disso um passaporte para a fama. As capas dos álbuns expressam uma proposta de vincular o nome do grupo à boa música. E eu assino embaixo.

No aspecto do conteúdo, Il Divo conseguiu a proeza de me agradar interpretando algumas músicas que não me interessariam na voz  de outros cantores.

Minhas músicas prediletas  são Isabel, em que se destaca a voz de David Miller; Se tú Me Amas, em que o timbre vocal de Urs Bühler ficou bem realçado e a clássica Em Aranjuez com Tu Amor, em que o vozeirão de Carlos soa aveludado. Os rapazes mostraram versatilidade ao interpretar  uma música mais popular como Heroe, em que a afinadíssima voz de Sébastien Izambard apresenta uma agradável característica que se tornou sua marca pessoal no grupo . As vozes estão bem integradas em I Believe in You e gostei muito da interpretação dada para Pour Que Tu M’aimes Encore. Foram enxertadas duas músicas do álbum de Natal. Na clássica Ave Maria, Urs parece um anjo barroco. E, no álbum com músicas natalinas, me agradou a interpretação de Rejoice. No repertório clássico eles arrasam e encantam no popular.

O álbum Ancora demonstra o estilo do Il Divo e o bom desempenho para uma equação difícil: reunir quatro solistas com vozes poderosas. Assim, cada verso cantado ganhou um brilho especial.

Ancora (2005)
1. Heroe
2. Isabel
3. I Believe In You- featuring Celine Dion
4. Unchained Melody (Senza Catene)
5. Si Tu Me Amas
6. Ave Maria
7. Hasta Mi Final
8. Solo otra vez (All By Myself)
9. En Aranjuez Con Tu Amor
10. Pour Que Tu M’aimes Encore
11. Oh Holy Night

 

 

The Christmas Collection (2005)

1. O Holy Night
2. White Christmas
3. Ave Maria
4. When A Child Is Born
5. Adeste Fideles
6. Over The Rainbow
7. Panis Angelicus
8. Rejoice
9. Silent Night
10. The Lord’s Prayer

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s